[gtranslate]

Doenças respiratórias no inverno: descubra quais são e como preveni-las

ISO 9001 de 2015
22/05/2019
Qualificação Térmica e Mapeamento Térmico - Doctor Quality
Qualificação Térmica e Mapeamento Térmico: o que é e qual a sua importância?
12/08/2019
Doenças respiratórias no inverno - descubra quais são e como preveni-las - header

Com a chegada do frio, aumenta a ocorrência de doenças respiratórias no inverno.

Muitas pessoas alérgicas começam logo cedo a sofrer com as mudanças climáticas e demais fatores desta época do ano.

Com relação a saúde mundial, cinco doenças respiratórias estão entre as causas mais comuns de morte em todo o mundo.

Os dados e estatísticas não param por aí, confira o trecho abaixo retirado do e-book O Impacto Global da Doença Respiratória

“As doenças não transmissíveis (DNT), incluindo as doenças cardiovasculares, cânceres, doenças respiratórias crônicas e diabetes, são os maiores assassinos hoje. Um dos objetivos mais ambiciosos é reduzir a mortalidade por DNT em 30% até 2030.”

– O Impacto Global da Doença Respiratória – Fórum Internacional de Sociedades Respiratórias.

Segundo o mesmo e-book a estimativa é que 334 milhões de pessoas em todo o mundo sofrem com a asma. 

Essa doença crônica é muito comum desde a infância, e chega afetar 14% das crianças em todo o mundo. 

Como mencionamos acima, cinco das doenças respiratórias estão entre as causas mais comuns de morte no mundo, o que enfatiza ainda mais a importância deste assunto.

Você vai descobrir hoje ao longo deste post quais são algumas dessas doenças e como se prevenir delas.

Além disto falaremos também sobre uma doença que aterroriza milhões de pessoas no mundo todo.

E vamos ao longo deste post dar dicas para você cuidar da sua saúde nesse inverno sem contrair nenhuma destas doenças respiratórias.

Fique conosco até o final e confira:

[toc content=”.the_content”]

Quais são as doenças respiratórias no inverno mais comuns

Doenças-respiratórias-no-inverno-imagem-02

Também conhecidas como “o mal do inverno”, algumas das doenças respiratórias mais comuns são:

  • Resfriado
  • Gripe
  • Pneumonia
  • Rinite
  • Alergias
  • Asma
  • Bronquite
  • Sinusite, entre outras

Essas doenças se são mais frequentes com a chegada do frio e as mudanças de temperatura.

Estes e outros fatores são responsáveis para que as doenças respiratórias cresçam durante o inverno, entenda um pouco mais sobre cada um deles a seguir. 

Por que as doenças respiratórias aumentam no inverno

As doenças respiratórias aumentam no inverno pois neste período ocorrem muitas mudanças climáticas, com reduções de temperaturas e aumento da umidade relativa do ar.

Este é também um  período de muita chuva e umidade, o que favorece no contágio com o vírus da gripe, resfriados e outras doenças.

É um período também em que circulam muitas viroses, o que facilita para que as pessoas venham a contrair alguma doença respiratória.

As pessoas mais propícias a sofrerem com as doenças respiratórias são as crianças e os idosos, por terem seus sistemas imunológicos mais frágeis, principalmente em épocas como o inverno. 

Como prevenir doenças respiratórias no inverno

A recomendação para que as pessoas possam se prevenir das doenças respiratórias no inverno é que evitem ficarem em ambientes muito fechados.

Locais onde o ar não circula muito bem, se tornam mais propícios a reunirem vírus e bactérias

Entre as recomendações para prevenir doenças respiratórias, também podemos citar:

  • Lavar bem as mãos e regularmente
  • Evitar o contato com superfícies onde outras pessoas também tocam, como corrimãos, janelas, etc.
  • Para as pessoas alérgicas, procurar evitar o contato com poeira.
  • Evitar o choque térmico, que ocorre ao sair de um ambiente quente e entrar em um ambiente frio, ou vice-versa. 
  • Proteger a boca ao tossir ou espirrar
  • Beber bastante água
  • Vacinar-se contra a gripe

Para quem está com alguma doença respiratória a recomendação é que mantenham um acompanhamento médico com certa frequência. 

Também recomenda-se que o paciente faça o tratamento com os medicamentos corretamente, conforme receitado pelo médico. 

Outra recomendação é que o portador de alguma doença respiratória evite frequentar ambientes fechados, para que assim não acabe contraindo outros vírus e até mesmo transmitindo a doença para outras pessoas.

Vacinas para prevenir doenças respiratórias

Doenças-respiratórias-no-inverno-Vacinas-para-prevenir-doenças-respiratórias-imagem-03

Com as vacinas o sistema imunológico é estimulado a produzir anticorpos, estes que são capazes de combater infecções e ajudar na recuperação do nosso organismo.

As vacinas são responsáveis por aumentar a nossa imunidade e defesa, mesmo sem estarmos doentes. 

Além disto, a pessoa que se vacina regularmente está reduzindo o risco de ter complicações com doenças respiratórias, como a pneumonia por exemplo.

Existem hoje vacinas contra o vírus influenza, que é o causador da gripe, disponíveis em clínicas e postos de saúde. 

Também é recomendado fazer a vacinação contra a pneumonia pneumocócica.

Os sintomas das doenças respiratórias

A tosse e falta de ar são os principais sintomas das doenças respiratórias, mas não são os únicos. 

Entre os sintomas também podemos citar: 

  • Chiados e apertos no peito ao respirar
  • Febre
  • Secreções ao tossir (catarro)
  • Dificuldades para respirar

A seguir falaremos sobre uma doença que merece muita atenção.

Responsável por atingir milhões de pessoas, sendo considerada a terceira causa de morte em nível mundial, conheça mais a seguir sobre a DPOC.

DPOC: Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica

Considerada a terceira causa de morte em nível mundial, a DPOC (doença pulmonar obstrutiva crônica) é um conjunto de doenças pulmonares que bloqueiam o fluxo de ar e dificultam a respiração.

Na DPOC existe a ocorrência da bronquite crônica, onde os brônquios encontram-se inflamados e com excesso de muco.

Também ocorrem enfisemas, responsáveis pelo crescimento e perda de elasticidade dos alvéolos.

Isto resulta na falta de força para expulsão do ar, dificultando a respiração.

Dados retirados do e-book “O Impacto Global da Doença Respiratória”, do Fórum Internacional de Sociedades Respiratórias (link), apontam que a DPOC afeta mais de 200 milhões de pessoas no mundo.

O que fazer para evitar a DPOC?

A DPOC geralmente é provocada pela fumaça do cigarro ou de outros compostos nocivos, provocando a obstrução da passagem de ar.

Dessa forma, evitar que as pessoas comecem a fumar e também tentar ajudar fumantes a reduzirem o hábito, são passos importantes a serem tomados.

De forma geral, evitar ambientes em que as pessoas estejam expostas a fumaça diminuirá o risco de infecções respiratórias. 

A doença pulmonar obstrutiva crônica pode começar na infância, por isto as vacinas e a descoberta rápida da doença com tratamento, irá minimizar as lesões das vias aéreas.

Memorize

Vamos recapitular o que você viu hoje aqui neste post sobre doenças respiratórias no inverno da Doctor Quality. 

  1. As doenças respiratórias aumentam com a chegada do inverno devido às mudanças climáticas, o tempo úmido, choques térmicos e outros fatores.
  2. Entre as doenças mais comuns estão gripes, resfriados, pneumonias, alergias, rinite, entre outras.
  3. Para você se prevenir e evitar o contágio com essas doenças, vale lembrar de manter as mãos sempre limpas, lavando-as frequentemente, evitar ambientes fechados e pouco arejados, fazer a vacina da gripe e beber bastante água.
  4. Entre os sintomas das doenças respiratórias no inverno estão a falta de ar, tosse com chiado, febre e dificuldade para respirar. 
  5. A DPOC, doença pulmonar obstrutiva crônica, é a terceira maior causa de morte no mundo todo, mas pode ser evitada mantendo-se longe de fumaças, principalmente a do cigarro.

No post de hoje trouxemos para você alguns pontos sobre as doenças respiratórias comuns no inverno, e mostramos como você pode evitá-las. 

Você conhece outras doenças respiratórias, ou gostaria de acrescentar mais alguma informação importante que não abordamos aqui? 

Deixe seu comentário abaixo, não esqueça também de comentar sua opinião sobre este artigo, queremos muito saber se conseguimos ser útil e ajudar você com este post.

Por hoje ficamos por aqui, até a próxima!


Fonte(s):

Doenças respiratórias de inverno

http://www.blog.saude.gov.br/index.php/53910-pausa-para-saude-doencas-respiratorias-no-inverno

https://www.natue.com.br/natuelife/inverno-favorece-aumento-de-doencas-respiratorias-em-criancas-e-idosos.html

http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/bom-dia-sao-paulo/videos/v/doencas-respiratorios-sao-comuns-no-inverno-e-medico-fala-sobre-prevencao/6671277/

http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/jornal-vanguarda/videos/t/edicoes/v/inverno-amplia-casos-de-doencas-respiratorias/6862972/

https://www.who.int/gard/publications/The_Global_Impact_of_Respiratory_Disease_POR.pdf

https://sbpt.org.br/portal/publico-geral/doencas/infeccoes-respiratorias/

https://gauchazh.clicrbs.com.br/saude/vida/noticia/2018/07/como-evitar-as-doencas-respiratorias-comuns-no-inverno-cjjkalday0rzg01qo8nl5oh6o.html

https://saude.abril.com.br/medicina/o-que-e-doenca-pulmonar-obstrutiva-cronica-dpoc-e-como-tratar/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Chame via Whatsapp

Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0